Marcado: django

Porque aprender Python e Django?

Não vou tentar convencer ninguém que Python/Django é melhor ou pior que qualquer outra linguagem/framework, vou falar sobre o que me fez aprender essa dupla.

Python, apesar de pouco conhecida no Brasil, já é muito utilizada no exterior, tendo como exemplo o Google que o utiliza em vários de seus produtos como YouTube e Gmail. O Python não é limitada ao ambiente web, podendo-se desenvolver com python para vários ambientes e dispositivos, até mesmo sistemas embarcados podem ser desenvolvidos.

Entre as inúmeras vantagens que vi no Python destaco:

  • Fácil de aprender
  • Reusabilidade do código
  • Orientada a Objeto, inclusive com herança múltipla
  • Verdadeiramente multi-plataforma, pois o mesmo código, sem alteração, roda tanto em Linux/Unix, Windows e MAC
  • Infinidade de bibliotecas disponíveis para as mais variadas tarefas
  • Legibilidade do código
  • Módulo nativo para desenvolvimento orientado a teste, TDD

Já em relação ao Django o que posso dizer é que ele seguiu quase todas as características do Python, tendo entretando uma característica bem interessante que é a geração automática de formulários de manipulação, incluindo a validação, dos dados da sua aplicação/site, o famoso CRUD (Create, Read, Delete, Update)

A necessidade do desenvolvimento de aplicações/site cada vez mais complexas, a garantia de código gerenciável, facilidade de manutenção e agilidade no desenvolvimento são algumas das necessidades do desenvolvedor atual e todas elas são atendidas pela dupla Python/Django. Foram essas características combinada com a equipe reduzida que temos na Prefeitura Municipal de Palmas, que me levou como gerente de projetos e sistemas a adotar o Django como framework para desenvolvimento de nossas aplicações web como também do nosso portal.

>>> print u’%s’ % (“Abraços”)

Anúncios